“The Town” é o segundo filme realizado (e protagonizado) por Ben Affleck e foi lançado em 2010. Reconheço que o nome de Ben Affleck não me traz boas recordações em termos cinéfilos mas não resisti a ver o filme. E em boa hora que o fiz. “The Town” é um filme de acção policial do melhor que vi nestes últimos meses; é um filme amargo, negro com uma história densa em que no final ninguém sai a ganhar, logo não é um filme inteiramente moralista e chorão, é um filme de acções e consequências.
Desde o início o filme mantém um ritmo constante sem grandes pontos mortos, com a história a fluir naturalmente. O guião gira à volta de um grupo de amigos de um subúrbio de uma grande cidade – Boston – cuja “ocupação” é assaltar bancos, no decorrer de um desses assaltos fazem refém uma empregada bancária e a partir daí nasce uma ligação que irá ditar todo o desenrolar do filme… Pessoalmente não gosto de desvendar muito da história mas o final é inteligente, uma espécie de empate técnico entre polícias e ladrões com nenhuma das partes a ficar com a vitória definitiva e final, ambos os lados acabam por perder algo para o outro.